Korman Arquitetos assina a repaginação de projeto localizado na Vila Nova Conceição, em São Paulo

A planta de 270 m² ganhou novo layout que valorizou a integração com interiores que mesclam variados estilos

  • Fotos:Gui Morelli
  • 6 fevereiro 2018

giz-korman-arquitetos-8

Localizado, na Vila Nova Conceição, em São Paulo, o apartamento de 270 m² assinado pelo escritório Korman Arquitetos atende um executivo que recebe frequentemente seus filhos. Uma inspirada viagem por diferentes estilos, reunindo harmonicamente, sob um mesmo teto, móveis asiáticos, clássicos do design brasileiro, revestimentos diverificados está presente no apartamento. “Cumprimos o desafio de aproveitar o que o proprietário já tinha, como o mobiliário da Ásia, e mesclar com peças de design nacional escolhidas a dedo, caso das poltronas e cadeiras assinadas pelo designer Sergio Rodrigues”, comenta a arquiteta Ieda Korman, uma das sócias do escritório.

giz-korman-arquitetos-3

Ao integrar a ala de estar, derrubando as paredes entre living, sala de jantar e home theater, os profissionais tornaram o layout do imóvel mais fluído e promoveram a integração da família. Algumas paredes foram revestidas de tijolinhos aparentes, que também se repetem em quarto de casal e lavabo, outras receberam acabamento de cimento queimado, tudo em máxima sintonia com o aconchegante piso de madeira de demolição.

giz-korman-arquitetos-7

Pinceladas de cor também fazem as honras da casa e injetam cor à decoração, a exemplo da porta de correr de acesso à cozinha que exibe uma vibrante laca vermelha brilhante. Outro destaque que chama bastante a atenção é o tapete da sala de estar, confeccionado de retalhos persa, ele evidencia os móveis de nuances neutras e sóbrias. Em ambientes, como a cozinha e o banheiro principal, azulejos, ladrilhos hidráulicos e revestimentos estampados usados em lugares estratégicos contribuem para trazer um toque de ousadia ao projeto. “É justamente essa mistura que torna o apartamento tão interessante e atual”, considera Ieda. “Mas para decorar de forma eclética, no entanto, é muito mais do mesclar peças de forma aleatória. Envolve conhecimento e disposição”, finzaliza.

Korman Arquitetos
kormanarquitetos.com.br

Conteúdos Relacionados