A jornalista e historiadora de arte Cynthia Garcia radiografa a morada da família Cassou em São Paulo

Fernanda Cassou apresenta o apartamento paulistano que projetou para sua família. Um compêndio de referências estéticas que vão de Mies van der Rohe a Sig Bergamin mas que, no final das contas, traz mesmo a marca dela: uma arquiteta jovem e original que está apenas começando

  • 4 setembro 2017

giz-irmas-cassou-1

As irmãs Cassou – As lindas Carolina, 31 anos, Fernanda, 29, Mariana, 27, e Amanda, 24 – conquistaram os corações das fashionistas quando aterrissaram, em 2011, no mercado online com o Gallerist, e-commerce de moda feminina, criado e comandado por essas sisters antenadas, bem-nascidas e chiquérrimas. Com uma pegada superbem editada de grifes top made in Brazil, o business com sede em São Paulo está bombando. Elas vivem entre Curitiba e São Paulo, no apartamento projetado por Fernanda, a arquiteta dessa família paranaense de linhagem francesa, com sobrenome pronunciado Ca-ssú.

giz-irmas-cassou-5

O apartamento, projetado em parceria com a arquiteta Silvia Franzioni, foi finalizado em 2013, pelo escritório de Fernanda que já reúne no portfólio um projeto em Nova York, o apartamento de Carolina, em Londrina, e dois outros trabalhos em Curitiba, o restaurante La Varenne e o hotel butique Nomaa, inaugurado em 2015. Diz a profissional que cita como ícones Mies Van der Rohe, Marcio Kogan, Patricia Urquiola, Arthur Casas e, é claro, Sig Bergamin: “A família sempre me tratou como  arquiteta. Eu sugeria e minha mãe, Denise, que tem muito bom gosto, batia o martelo. Muitas vezes, as pesquisas partiam dela. Gostamos de ambientes amplos, claros com móveis e objetos de design. Meu pai fez um único pedido, um espaço gourmet para pôr em prática seu maior hobby, a culinária”.

giz-irmas-cassou-4

Ao entrar no imóvel de 500 metros quadrados no 19o andar, uma incrível panorâmica sobre a metrópole paulista deleita o olhar. Perfeito para festas, o amplo social com mobiliário de cores neutras, de lojas como Casual Móveis, Etel, Montenapoleone, Atrium, Interpam e Érea, destaca a coleção de obras de arte  com nomes como Vik Muniz, Marcos Coelho Benjamin, Ascânio MMM, Ianelli, Tomie Ohtake, Emanuel Araújo, Luzia Simons, Orlando Azevedo e Célia Euvaldo. É ali que se concentram as atividades dessa família unida. Interligada por portas de correr, a área social reúne o living, a sala de jantar, o home theater e a varanda, que também abriga a cozinha gourmet com mesa para a vista. Na área íntima estão as três suítes das irmãs – só a caçula, Amanda, ainda é solteira –, que dividem um grande closet pequeno para as bolsas, bijoux e badulaques das meninas. Mais resguardada, no final do corredor, encontra-se a máster suíte com dois banheiros e um closet. São os aposentos dos pais de quem essas poderosas herdaram o DNA da beleza, da simpatia e do tino comercial. Como diz o Sig: “Adoro”.

giz-irmas-cassou-2

*Cynthia Garcia é jornalista e historiadora de arte | email cynthiagarcia@gmail.com | www.cynthiagarcia.biz